Reforma Administrativa: projeto ideológico que vai destruir o Brasil

Reforma Administrativa: projeto ideológico que vai destruir o Brasil

Reforma Administrativa: projeto ideológico que vai destruir o Brasil

🤥 Os governos de Michel Temer e Jair Bolsonaro implementaram um projeto de perseguição aos servidores que são responsáveis por garantir o acesso da população a serviços essenciais.

Para eles, as pessoas só podem ter direitos se puderem pagar por eles.

Essa é a ideologia por trás da Reforma Administrativa (PEC 32/2020). Ela é boa apenas para quem deseja tomar posse dos recursos que hoje são usados para beneficiar o conjunto da população. Afinal: ⤵️

🚨Por que setores das elites econômicas (ou seja, os mais ricos) são favoráveis à proposta?

🚨Por que políticos que representam apenas os interesses dos mais ricos apoiam a proposta?

🚨 Alguns exemplos práticos:

🚨Empresários da saúde desejam ficar com os recursos que hoje são destinados ao Sistema Único de Saúde (SUS).

🚨Empresários da educação desejam expandir seus negócios, seja na educação básica (onde mais de 80% dos estudantes estão nas escolas públicas) ou no ensino superior (entregando ensino de péssima qualidade no lugar das universidades públicas, que produzem mais de 90% da ciência nacional e lideram todos os rankings de qualidade no Brasil e na América Latina).

🚨O mercado financeiro deseja que o governo aumente ainda mais o repasse de recursos para o pagamento da dívida (que consome quase metade do orçamento federal e, estranhamente, continua subindo).

🤕 Enquanto o governo mente, dizendo que não age ideologicamente, na verdade está servindo aos interesses apenas dos mais ricos. Isso é ideologia.

🇧🇷  É preciso barrar a Reforma Administrativa, porque o caminho para um Brasil mais próspero e desenvolvido é a melhoria dos serviços públicos, e não sua destruição.

#ReformaAdministrativaNão #GovernoContraoPovo #GovernoMente #DefendaoServiçoPúblico #PEC32Não #ServiçosPúblicos