1 em cada 4 servidores que denunciaram corrupção foram retaliados no governo Bolsonaro

1 em cada 4 servidores que denunciaram corrupção foram retaliados no governo Bolsonaro

1 em cada 4 servidores que denunciaram corrupção foram retaliados no governo Bolsonaro

👊Além de privatizar e destruir os serviços públicos, a Reforma Administrativa (PEC 32/2020) do governo Jair Bolsonaro pretende legalizar a corrupção, que tem sido cada vez mais rotineira em sua gestão.

Uma pesquisa sobre ética e corrupção, realizada pelo Banco Mundial, entrevistou 22.130 funcionários públicos em 2021 e comprovou que o descontrole sobre o dinheiro público aumentou durante a gestão de Bolsonaro.

👀A pesquisa aponta que a cada quatro servidores que denunciaram corrupção, um sofreu retaliações. A maior parte do funcionalismo federal não se sente seguro para fazer denúncias.

A principal forma de corrupção apontada foi o favorecimento a amigos e parentes (58%), seguido pela pressão de superiores para que leis sejam ignoradas (54%).

🤔A Reforma Administrativa quer enfraquecer regras impessoais de contratação e acabar com a estabilidade para que servidores não consigam mais denunciar casos de corrupção.

Quem ganha com isso?

#serviçopúblicoparatodos #ServiçoPúblico #ÉPublico #ÉpraTodos #ValorizeOServidor #ReformaAdministrativaNão #PEC32Não